Recebendo o Azeite para 2012

Pr. José Carlos Borges – Assembléia de Deus Flor do Campo

Palavra de hoje: Êxodo 30-22:30

Êxodo 30:22 nos fala sobre as instruções de Deus a Moisés, para a elaboração de um óleo sagrado para as unções. Este óleo foi designado por Deus, como Santo.

Moises deveria elaborar, dentro das quantidades especificadas e usando as principais especiarias: da mais pura mirra, canela aromática,  cálamo aromático, cássia e do mais puro azeite de oliveiras e com perfume composto segundo a arte do perfumista. Este seria um óleo  sagrado para as unções.

O óleo da unção era restringido apenas para uso no tabernáculo e a ordem não poderia ser violada. O óleo de oliva devia ser puro e nada mais que puro, porque representa o Espírito Santo de Cristo. A palavra o “Cristo” é a fórmula grega para o hebraico “Mashiach” (Messias) os quais significam ” o Ungido”, literalmente “o que é coberto com óleo”. O óleo também foi usado para ungir o Santo Tabernáculo e a sua mobília, e iluminar o candeeiro de ouro.

Nono dia da Campanha e já nem sei como iniciar os textos sem parecer repetitiva ou exagerada. Acontece que a cada dia, somos surpreendidos com a reverencia dos louvores, a unção dos convidados e a força das exortações…. Fica difícil compartilhar tudo isso em breves palavras, somente estando presente para sentir o que isso significa.

Nosso convidado de hoje, Pastor José Carlos Borges, da Assembléia de Deus Flor do Campo, trouxe azeite para as lamparinas. Azeite que purifica, que cura as feridas, que renova e que ilumina.

Assim como a oliva passa por um processo para extração do azeite, o Senhor nos leva ao processo para extrair aquilo que temos de melhor.

Deus Abençoe!

Pra. Rosangela Borges e o Grupo de Louvor Peniel

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: